Receber notificações
  Facebook
  RSS
  Whatsapp

Altos reencontra poder ofensivo e depois de muito tempo vence sem sofrer gols

A equipe do Altos conquistou sua segunda vitória dentro da Série C do Brasileiro.

Fotos: Elziney Santos

 Fotos: Elziney Santos

A equipe do Altos conquistou sua segunda vitória dentro da Série C do Brasileiro. O resultado foi fundamental para dar folego e poder de reação ao único representante piauiense na Terceira Divisão que até então segue na zona de rebaixamento, mas agora descolou da lanterna. A vitória convincente em cima do Ypiranga-RS por 3 a 0 fez o time chegar aos seis pontos. Restando 11 jogos dentro da competição. O Altos tem como próximo adversário o Manaus-AM, no domingo (5), às 16h30min, no estádio Ismael Benigno, no Amazonas. 

“A situação que a gente estava presenciando aqui desde que eu cheguei no Altos. Nos fizemos um bom jogo contra a equipe do Mirassol e erramos perdemos mais uma partida. Não é normal dentro do Altos quatro derrotas consecutivas e nesse momento eu estou muito feliz pelo comportamento da equipe desde o primeiro tempo, apesar de não ter feito gols no primeiro tempo. Mostramos uma equipe competitiva, equipe que ataca mesmo vencendo a partida, não recua, não espera adversário. Então não foi só o resultado, foi a dinâmica que a gente apresentou”, afirmou o técnico Fernando Tonet.

Quem abriu o placar para o Altos foi Dieguinho, que chegou ao seu segundo gol na Série C. Betinho ampliou a contagem dois minutos depois e chegou à marca individual de 14 gols no ano e quatro dentro da Série C sendo artilheiro do time na temporada e Manoel, que fazia partida extremamente abaixo da média fechou a conta, de pênalti. 

Mas um dos pontos importantes além da vitória para retomar confiança do elenco que vinha de uma sequencia cruel e em especial na Série C, com três derrotas consecutivas, eram a quantidade de gols sofridos – 16 ao total em sete jogos.

Dessa vez, pela primeira vez na competição o Jacaré não teve sua defesa vazada. O trio defensivo formado por Lucas do Carmo e Ramon Baiano, goleiro Rafael, que foi titular neste jogo e pouco acionado saíram de campo ilesos. 

“Dá para ver que não tem nenhum time altamente superior ao nosso dentro da Série C do Brasileiro, mas a gente ainda está em uma posição desconfortável na tabela e vamos brigar de todas as formas para tirar o time dessa posição. Eu acredito que aquele erro zero que comentamos na semana possa ter ajudado na maneira de conversar com os atletas. Procurei não cobrar muito eles e eu acho que essa tranquilidade passada ajudou a gente dentro do campo conquistar a vitória”, disse Tonet. 

A vitória ganha maior peso por ser contra um time que está no meio da tabela. Porem o Jacaré segue com grandes desafios pela frente, já que os primeiros times fora da zona de rebaixamento estão com três pontos a mais, caso de Aparecidense-GO e Campinense-PB. 

O Altos tem como próximo adversário o Manaus-AM, no domingo (5), às 16h30min, no estádio Ismael Benigno, no Amazonas. O jogo será válido pela 9ª rodada da Série C. O Jacaré se reapresenta aos treinos na tarde de hoje (30). 

Cidadeverde.com

Mais de Esportes