Receber notificações
  Facebook
  RSS
  Whatsapp

José Aldo faz acordo com UFC e se aposenta do MMA

A informação foi dada em primeira mão pelo “Combate”, neste domingo (18)

José Aldo ostenta cartel de 31 vitórias e apenas 8 derrotas (Foto: Reprodução)

 José Aldo ostenta cartel de 31 vitórias e apenas 8 derrotas (Foto: Reprodução)

Um dos maiores nomes da história do MMA, José Aldo pendurou as luvas. O lutador brasileiro fez um acordo com o UFC para se desligar da companhia e não entrará mais em ação nos octógonos. A informação foi dada em primeira mão pelo 'Combate', neste domingo (18), e confirmada pela equipe de reportagem da Ag Fight, com fontes próximas à negociação.

Ex-campeão peso-pena (66 kg) do Ultimate e do WEC, Aldo é apontado como o melhor atleta que já competiu até 66 kg dentro das artes marciais mistas. O 'Campeão do Povo', como foi consagrado, se afasta do esporte com um cartel de 31 vitórias e oito derrotas como profissional.

+SIGA O FOLHADEOEIRAS NO FACEBOOK

+SIGA O FOLHADEOEIRAS NO INSTAGRAM

+SIGA O FOLHADEOEIRAS NO YOUTUBE 

Com uma trajetória já consagrada, Aldo se reinventou e, já aos 33 anos e contrariando as estatísticas, se aventurou na divisão de baixo - os pesos-galos (61 kg). Na nova categoria, o brasileiro também chegou a disputar o cinturão, mas foi superado por Petr Yan. Em seguida, não se abateu e enfileirou três vitórias seguidas. No entanto, o ímpeto por uma nova corrida até o título foi contido pelo mais recente revés, diante de Merab Dvalisvili.

Aldo seguiu o caminho de seu amigo e companheiro de treinos na Nova União, Léo Santos, que recentemente também anunciou que está aposentado do MMA. Curiosamente, os pupilos de Dedé Pederneiras realizaram seus respectivos últimos combates da carreira no mesmo card - UFC 278, no dia 20 de agosto.

A data ficará para sempre marcada como um adeus de um dos maiores ídolos que o esporte nacional já produziu. Mágico, Aldo extrapolou a bolha do MMA e conquistou o coração de todos os brasileiros. Virou filme. Fez história.

Sua 'última dança' foi realizada na 'Vivint Arena', em Utah (EUA), mesmo palco em que o lendário jogador de basquete Michael Jordan fez seu último jogo da carreira pelo Chicago Bulls. Assim como os arremessos do astro da bola laranja, os chutes, nocautes e vitórias de Aldo ficarão gravados para sempre no imaginário dos fãs do esporte.

Mais de Esportes